ponha à venda seus privilégios
há sempre alguém temporariamente
que se engane com o que compra
sim, sou a mesma tonta
que assim aprendeu a bem do caminho
se não bem acompanhado
melhor rio sozinho
os méritos são da vida
para todo existir e criatura
o respeito do qual somos parte
nossa necessidade urge agora
é reinventar a árvore da vida
da qual apegados a nomes
confundimos créditos
na ausência de fé ou de provas
ainda nos restam
tanto consciência quanto uns aos outros
o sonho, a poesia, a ciência e a genética
estou farta da veste fúnebre da carência
da maldisfarçada galhardia da vaidade
de propostas vazias
dos desejos que nada fazem
daquela que em mim acedia
a pretexto de menos piores males

sugestão de trilha: https://www.youtube.com/watch?v=e2xfz51dqzs

Anúncios

Um comentário sobre “

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s